Organizada pelo PTI, FIciencias 2019 está com inscrições abertas

Organizada pelo PTI, FIciencias 2019 está com inscrições abertas

27/06/2019

Já consolidada como referência da promoção da cultura científica, a Feira de Inovação das Ciências e Engenharias (FIciencias) - promovida pelo Parque Tecnológico Itaipu (PTI) em parceria com diversas universidades – está com inscrições abertas para a sua 8ª edição. O evento ocorre de 5 a 8 de novembro, em Foz do Iguaçu.
   
O regulamento e as inscrições, que devem ser realizadas até o dia 31 de julho, podem ser acessados no site www.ficiencias.org. Podem participar alunos matriculados no 8º ou 9º ano do ensino fundamental, ensino médio, ensino técnico ou em cursos de educação de jovens e adultos em níveis equivalentes, dos estados do Paraná e Santa Catarina, no Brasil; da Argentina; e do Paraguai.
    
Para a Feira, serão selecionados 150 trabalhos nas áreas de conhecimento das Ciências Humanas, Exatas, Biológicas, Agrárias, Sociais Aplicadas, Saúde ou Engenharias. Os estudantes podem se reunir em grupos de até três alunos e devem ter um orientador com mais de 18 anos, que pode ser um professor da escola, um aluno em fase de graduação ou já graduado, para auxiliar na condução da pesquisa.
   
“A FIciencias é um evento que permite jovens e crianças, em um mesmo espaço, trocarem experiências e aprendizados em prol da ciência, da criatividade e do espirito inovador dos estudantes”, destaca Willbur Rogers de Souza, gerente do Programa Educação do PTI.
    
Durante a evento, em novembro, os autores dos melhores trabalhos receberão prêmios em dinheiro, além de troféus, medalhas e passaportes para outras feiras semelhantes. Em 2018, mais de 1.200 pessoas visitaram a Feira, que teve como trabalho vencedor o “TechPipe”, um sistema para detectar vazamentos em tubulações de água elaborado pelos alunos do Colégio Sesi de Irati (PR), Gabriela Dremiski, Cesar Tkatchuk e Luiz Fernando Zavelinski.
   

   
Ficiencias Kids
   

Novidade e sucesso em 2018, mais uma vez a FIciencias Kids vai abrir espaço para os estudantes da Educação Infantil e Ensino Fundamental I apresentarem os seus trabalhos. Nessa modalidade, os trabalhos devem conter uma problematização e uma prática diferenciada, com temáticas ativas que preconizam pelo desenvolvimento e autonomia dos estudantes.
   
A edição deste ano terá como objetivo ampliar a exposição para Foz do Iguaçu e mais dez municípios da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop), que serão sensibilizados com uma formação de professores, firmada por meio de convênio entre o PTI e a Itaipu Binacional que visa desenvolver as possibilidades investigativas e as abordagens metodológicas ativas com foco na temática da sustentabilidade.
   

    
Evolução
   

Ao longo de sua trajetória de oito anos, a FIciencias apresentou um considerável progresso tanto na quantidade como na qualidade dos trabalhos apresentados, que estão cada vez mais criativos e inovadores. O professor Cornélio Schwambach, do Colégio Bom Jesus, de Curitiba (PR), que já esteve em seis edições, ressalta que vê a Feira “como uma oportunidade de mostrar o que as escolas têm proporcionado aos alunos, e toda a criatividade dos estudantes”. Ele também citou casos de sucesso de estudantes que participaram das primeiras edições da Feira e hoje atuam em projetos de iniciação científica no Brasil e no exterior.
    
A professora Regiane Castione, do Colégio Estadual Flávio Warken, de Foz do Iguaçu (PR), participou de todas as edições da FIciencias e destaca que a feira é “uma oportunidade para os alunos mostrarem tudo aquilo que tem de capacidade para além dos muros da escola”.