Transformar conhecimentos e tecnologias em

 

soluções para o progresso da sociedade

Parque Tecnológico Itaipu desenvolve solução inovadora para Companhia Hidrelétrica do Rio São Francisco

Parque Tecnológico Itaipu desenvolve solução inovadora para Companhia Hidrelétrica do Rio São Francisco

20/04/2021

A parceria para a construção dessa solução inovadora foi possível graças a expertise de mais de 10 anos no setor elétrico.

 

 

O Parque Tecnológico Itaipu (PTI-BR), em parceria com a Universidade de Pernambuco (UPE) e o Instituto de Tecnologia Edison Mororó Moura (ITEMM), está desenvolvendo uma solução inovadora de minigeração de energia solar com armazenamento em baterias para o sistema auxiliar de subestações da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf).

 

O projeto contribuirá para o aumento da confiabilidade e da segurança  no setor elétrico. De acordo com o engenheiro eletricista do Centro de Automação e Simulação de Sistemas Elétricos do PTI-BR, Dabit Sonoda, trata-se de uma solução híbrida com uma série de vantagens e benefícios.

 

“Um conjunto de painéis solares vai receber insolação durante o dia e vai carregar essas baterias ou fornecer o excedente para a rede elétrica local. Se em algum momento do dia estiver nublado (ou durante a noite) e for necessário utilizar essa energia, ela estará em condições para ser fornecida com maior segurança e estabilidade”, explicou o engenheiro.

 

Além disso, trata-se da geração de uma energia limpa, o que contribui no combate às emissões de gases do efeito estufa e soma esforços na proteção do clima global.

 

Outro ponto destacado por Dabit Sonoda é a sinergia com programas já existentes na companhia. “A Chesf possui o Programa Conta Zero. Atualmente, a companhia paga pela energia consumida à concessionária local; portanto, tem gastos. Essa solução tem, além de outros benefícios, a possibilidade de reduzir ao máximo as contas das instalações da Chesf”, disse Sonoda.

 

 

Centro de Automação e Simulação

 

A parceria para a construção dessa solução inovadora foi possível graças à expertise desenvolvida pelo Centro de Automação e Simulação de Sistemas Elétricos do PTI.

 

Para o diretor superintendente do PTI, general Eduardo Garrido, o PTI tem vasta experiência em projetos no setor elétrico. “O Parque possui infraestrutura e equipe técnica qualificada para o desenvolvimento de soluções de monitoramento e execução de testes em equipamentos utilizados no setor elétrico. Por exemplo, temos um simulador digital que, em tempo real, é capaz de executar testes que apresentam elevado grau de fidelidade. Grandes empresas já contrataram os serviços do PTI nessa área”, afirmou o general Garrido.

 

Já foram realizados por esse Centro de Competência aproximadamente 100 ensaios, envolvendo grandes empresas como Itaipu Binacional, Cemig, Copel, Neo Energia, Enel, além dos fabricantes Asea Brown Boveri (ABB), General Eletric (GE), Siemens, Schneider Electric, Schweitzer Engineering Laboratories (SEL), entre outros.